Instituto Hahaha: início da atuação de artistas profissionais no atendimento ao público idoso de Belo HorizonteA população idosa cresce cada vez mais em Minas Gerais e no país. E os idosos de hoje são muito mais ativos, mais abertos para a realidade ao seu redor, muito diferentes dos velhinhos de dezenas de anos atrás. Portanto, são necessárias atividades interessantes para esse público. Nesse sentido, o Instituto Hahaha faz essa integração, com um trabalho da melhor qualidade.

Palhaços do Instituto Hahaha levam alegria aos idosos. Crédito: Carol Reis

A população idosa cresce cada vez mais em Minas Gerais e no país. E os idosos de hoje são muito mais ativos, mais abertos para a realidade ao seu redor, muito diferentes dos velhinhos de dezenas de anos atrás. Portanto, são necessárias atividades interessantes para esse público. Nesse sentido, o Instituto Hahaha faz essa integração, com um trabalho da melhor qualidade.

No Dia Internacional do Idoso, por exemplo, o Instituto Hahaha entrega um presente para este público ao anunciar o lançamento do programa de intervenções artísticas de palhaços profissionais para idosos. Para celebrar a expansão dos atendimentos, a instituição promove O Baile, no dia 1º de outubro, terça-feira, às 15h, no Instituto Geriátrico Afonso Pena (IGAP).

Os idosos irão celebrar seu dia na pista de dança. E os parceiros? Os mais inusitados! Os palhaços, que são médicos besteirologistas, dançarão com o público uma valsa de casamento para simbolizar a nova parceria. Neste dia, apenas uma receita médica é prescrita a todos: uma dose de “remelexo” de corpo e alma.

Até 2060, Minas Gerais será o Estado com o maior número de idosos em todo o país, de acordo com uma projeção divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE, 2018). Diante disso, o Instituto Hahaha, uma organização da sociedade civil, busca levar arte, cultura, lazer e cidadania para essa parcela da população.

Expansão: o riso é para todos!

Com sete anos de atuação direcionadas a crianças e adolescentes internados em cinco hospitais da Rede SUS em Belo Horizonte, o Instituto celebra o início deste novo ciclo, no qual promove intervenções artísticas de uma dupla de palhaços profissionais em três instituições, são elas: Hospital Paulo de Tarso, Hospital da Baleia e Instituto Geriátrico Afonso Pena (IGAP). Na segunda etapa do projeto, mais duas Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPI´s) receberão o atendimento.

O objetivo é alcançar aproximadamente 600 atendimentos semanais. É importante ressaltar que este trabalho é gratuito para os espaços contemplados. A expansão dos atendimentos é um desejo antigo da Instituição que só é possível por meio do Fundo Municipal do Idoso, com o patrocínio da Cemig, e das empresas Drogaria Araújo, Viena Siderúrgica, Mater Dei e Abbott.

Portal Medicina & saúde: (31)3586-0937 | FAÇA CONTATO

medicina & saúde nas redes